Mel Hoffmann

Consultoria em Comunicação Personalizada
CASAdesign explora olhar contemporâneo na CASACOR SP

Para apresentar um olhar contemporâneo e simbólico sobre o morar, a dupla do renomado Studio CASAdesign apresenta na CASACOR 2019 a CASA OAK | 02, uma residência completa de 185 m², ladeada por um jardim externo assinado por Kalil Ferre Paisagismo, e que promete despertar em cada visitante o desejo de viver nesse espaço. A maior mostra de decoração e paisagismo da América Latina acontece até 4 de agosto, no Jockey Club de São Paulo.

Para o projeto arquitetônico, Salvio Jr. e Moacir Jr. incorporaram 60m² de área construída às icônicas marquises do Jockey, preservando a memória e a estrutura histórica do local de forma criativa e ousada. Idealizada para imprimir ao público a sensação latente de acolhimento e bem-estar, a construção conta com um amplo living, uma incrível cozinha e sala de jantar integrados, uma confortável suíte e um bucólico jardim externo que reforça a atmosfera de refúgio, pertencimento, além da sensação de estar por inteiro em uma casa. Por isso, o teto e todas as paredes são revestidos em lâminas de carvalho natural da Florense, que aquece o ambiente. E é justamente dessa característica marcante que vem o nome do projeto: OAK, que em inglês significa carvalho.
 
Criando uma dualidade cromática com a cor clara e amendoada da lâmina da madeira, o piso apresenta um aspecto de limestone originário da Bélgica,  de um azul tão intenso que proporciona uma ilusão ótica que brinca com o olhar, fazendo-o parecer preto com variações em cinza escuro. O Pierre Ble, da Portobello reproduz no porcelanato a sofisticação minimalista dos belgas. Para uma atmosfera mais rústica, os profissionais utilizaram a modularidade do formato 20×20 com bordas irregulares.

Aliada à essa combinação, placas onduladas metálicas, advindas de reaproveitamento, foram utilizadas nas divisórias do dormitório e do banheiro, conferindo um visual industrial, elegante e moderno, reafirmando o caráter sustentável do espaço. A execução foi assinada pela Green Industrial Architecture

A fachada da casa é um capítulo à parte: foi construída no estilo brutalista, com apenas um recorte de parede que forma um ângulo interno, surgindo dali a porta do ambiente, que convida os visitantes a conhecerem o espaço. A entrada também surpreende pela volumetria criada por meio de modernos tijolos da linha Brickstar da Portobello, que têm uma proposta handmade, textura rústica e um leve brilho metalizado. Os efeitos da superfície Brickstar são adquiridos ainda no processo de fabricação, onde as altas temperaturas provocam uma reação no esmalte tornando cada peça única. A rusticidade se opõe às nuances metalizadas, que surpreendem quando aplicadas com junta quase seca – forma de ressaltar o conceito artesanal do material.

Na sala, um muxarabi produzido pela Haiko Revestimentos emoldura uma linda cena. O mobiliário da Artefacto, com muitas peças produzidas artesanalmente, é minimalista com proporção equilibrada. A composição com tecidos claros, lâminas de madeira natural e peças em madeira rústica quebram o aspecto frio do industrial, tornando o ambiente mais acolhedor. Além desses elementos, a produção do ambiente chama atenção: peças únicas e feitas à mão de diferentes origens e etnias, como Timor Leste e da Ilha de Bornéu (na Ásia), de Benin (Nigéria/África), da Turquia e das Filipinas, trazem uma forte carga emocional ao ambiente.

Outro ponto de destaque são as obras de arte que pontuam elegantemente o espaço, como uma grande pintura do artista João Di Souza e as caixas de Luisa Malzoni, representados pela Verve Galeria; a arte nordestina, que se faz presente através de Ramonn Vieitez (Galeria Portas Vilaseca); e a artista catarinense Fabiana Langaro Loos, um dos grandes talentos da cena abstrata das artes plásticas. Obras visualmente fortes, que ligam o ambiente à grandiosidade da natureza através de Di Souza, à uma geometria exata, equilibrada e racional de Fabiana, a um forte olhar introspectivo sob um cenário dramático na obra de Vieitez, à sensibilidade, sentimentos e memórias afetivas enquadrados na arte de Luisa Malzoni. Enfim, arte que inspira e atrai todos os olhares, pois retratam aspectos humanos do nosso cotidiano. 

Explorando o conceito de sustentabilidade, os profissionais se valeram muito do recurso de luz natural, utilizando pouquíssimos pontos de iluminação em led para gerar economia de energia. Além disso, toda madeira usada no espaço é certificada e a construção é seca, feita em drywall. Tudo isso para reduzir os impactos ao meio ambiente.

O jardim assinado pela dupla de paisagistas Mauricio Ferre e Elaine Kalil segue à risca o estilo do ambiente. Plantas tropicais exploram a brasilidade e permeiam todo o espaço, trazendo uma atmosfera acolhedora e uma identidade visual marcante.

“Esta é a CASA OAK |02, um espaço para descanso, convívio e contemplação, para quem gosta de curtir a casa, receber amigos, ouvir um bom som e comemorar os bons momentos que a vida proporciona em harmonia com o lar […] É realmente um olhar contemporâneo do morar. Sinta-se em casa”, afirma Moacir Jr.

CASACOR SP

Período: até 04 de agosto

Horário: Terça a sábado, das 12h às 21h, domingo das 12h às 20h

Local: Jockey Club de São Paulo

Endereço: Av. Lineu de Paula Machado, 875 – São Paulo

Veja mais fotos:

Fotos: Denilson Machado Mendonça

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.